Artigos

ÓBITOS NOS GRUPOS ETÁRIOS ACIMA DOS 55 ANOS

Tento nesta publicação avaliar o excesso de óbitos, desde 1 de Março, depois de excluídas as mortes COVID nos grupos etários a partir dos 55 anos. 

À partida temos um problema na definição dos grupos etários, havendo na DGS grupos dos 50-59, 60-69, etc. e na SICO 55-64, 65-74, etc. Isto NUNCA deveria acontecer pois impossibilita estatísticas precisas. Há uma diferença de 5 anos. Tive portanto que assumir que os grupos COVID são iguais aos da SICO para poder avaliar o excesso de 2020 em relação a 2019. Incluo no... Ler mais

Reflexões sobre a gravidade actual da COVID-19 no nosso País

Por exemplo, quando vemos a curva dos Casos Confirmados, sempre a subir, que conclusões se podem tirar? NENHUMAS! Porquê?? Porque essa curva é um somatório, um acumular de todos os casos diários desde o 1º caso... nunca poderá descer!! Pode ficar num planalto na hipótese dos novos casos acabarem. Até lá, todos os dias se acumulam novos positivos, nem que fosse só um mas seria MAIS um. É um gráfico completamente inútil. O mesmo acontece com a curva do total dos óbitos.

Estes dois tipos de dados têm um significado epidemiológico para comparar... Ler mais

PCR no Tribunal da Relação de Lisboa 3ª secção

Efectivamente, os testes RT-PCR (Reacção em cadeia da polimerase), testes de biologia molecular que detectam o RNA do vírus, comumente utilizados em Portugal para testar e enumerar o número de infectados (após recolha nasofaríngea),  são realizados por amplificação de amostras, através de ciclos repetitivos. Do número de ciclos de tal amplificação, resulta a maior ou menor fiabilidade de tais testes. E o problema é que essa fiabilidade se mostra, em termos de evidência científica (e neste campo, o julgador terá de se... Ler mais

A Saúde em Portugal (14.11.2020)

Comecemos pelos doentes hospitalizados: há um total de 2798 dos quais 413 em UCI e 2385 em enfermaria. Isto é e não é -1 hospitalizados como nos dizem. A realidade é outra: entraram 25 para a UCI  e sairam 26 da enfermaria (a maioria curados; alguns, normalmente muito poucos, transitaram para a UCI por agravamento do seu estado). Seria bom darem uma informação correcta nos noticiários. O povo não é assim tão iletrado que não compreenda. A média móvel de 7 dias da % de hospitalizações diárias em relação aos novos casos é de 1,2%; Quer dizer que em cada... Ler mais

O caos era de prever. A associação GRIPE+COVID nunca seria uma associação "inocente". Como se isso não bastasse temos surtos de pneumonia por legionella.

Os primeiros sinais e sintomas dessa pneumonia são exactamente os mesmos da COVID e das outras pneumonias. Trata-se de uma pneumonia que pode ser muito grave, que vai necessitar de cuidados intensivos e sobrecarregar ainda mais as equipas de saúde.

Neste momento deveria ser considerada a união de todos os esforços disponíveis e deveriam terminar com a testagem em massa que espolia os recursos... Ler mais

Normas de testagem Covid-19 nos cadáveres

O número de óbitos com teste positivo ao SARS-COV-2 é importantíssimo para fins epidemiológicos. Porém, num determinado óbito, não deve ser confundido com a causa da morte .

No nosso País há normas que regem os processos a efectuar em caso de morte:

documento delectado e substituído em Fevereiro 2021 (ver AQUI)]

Depois de ler atentamente há aspectos que quero realçar:

  1. Em todos os cadáveres que necessitem de autópsia os testes post-mortem são OBRIGATÓRIOS... Ler mais
Cycle Threshold

Muitos leitores têm perguntado o que é o "cycle threshold" e qual a sua importância. É um assunto complexo mas vou tentar explicá-lo por palavras simples:

O PCR tem uma sensibilidade excelente que podemos considerar praticamente 100%. Assim, os falsos positivos são raros. Porém a sua especificidade pode deixar muito a desejar já que há inúmeros escolhos que a comprometem. Podem verificar isto em vários artigos científicos mas deixo-vos estes links que considero fiáveis:

Muitos dos problemas podem ser... Ler mais

Este texto é inspirado nos conselhos dos Serviços de Saúde Pública suecos. Não por serem suecos nem por achar que a Suécia é um exemplo mas muito simplesmente porque correspondem aos conselhos que eu daria a todo o povo português se tal tarefa me tivesse sido incumbida. São muito parecidos aos da nossa DGS mas um pouco mais completos, mais precisos.

GRUPOS  EM  RISCO  DE  DOENÇA  GRAVE

Muitas pessoas podem sofrer uma penumonia grave se forem infectadas pelo vírus SARS-COV-2.

O risco de doença grave e morte aumenta gradualmente com a idade. No caso de... Ler mais

Pensamentos

Baseado nos trabalhos de Noam Chomsky, distinto filósofo Americano, e Professor Emérito de Linguista no Massachusetts Institute of Technology (MIT), [Manufacturing Consent: The Political Economy of the Mass Media, Noam Chomsky, Edward S. Herman (1988)], e no documento "Silent Weapons for Quiet Wars" (datado de Maio 1979, e encontrado a 7 de Julho de 1986 numa fotocopiadora IBM que tinha sido comprada num leilão), o escritor francês Sylvain Timsit elaborou numa lista as “10 estratégias de manipulação” através da mídia, que publicou num Blog... Ler mais

Páginas